segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Um dia em Bratislava, a capital da Eslováquia


Ponte Nova com seu mirante em forma de disco voador e a estação de desembarque do catamarã em Bratislava, Eslováquia.

Essa visita de um dia à capital da Eslováquia aconteceu durante nossa viagem de férias em abril. Estávamos em Viena, na Áustria, e a princípio, planejávamos ir de trem até Bratislava, mas antes fomos pesquisar o preço da passagem de catamarã e o tempo de viagem. Apesar de ser um pouco mais caro, o barco nos deixaria próximos do centro histórico e tinha a vantagem de navegar pelas águas do famoso rio Danúbio (que não é azul!!!!). Já pensou estar em um país, entrar em um catamarã e uma hora depois desembarcar em outro território com língua, cultura, arquitetura, gastronomia e costumes completamente diferentes?

A viagem durou cerca de uma hora e o catamarã era bastante espaçoso e confortável. Possuía grandes janelas e oferecia serviço de bordo, além de um guia que descrvevia as atrações e curiosidades ao longo do caminho. Embarcamos no horário mais cedo para o qual encontramos passagens e voltamos no final da tarde, quando o barco veio lotado. Era final de semana e muitos austríacos aproveitaram pra fazer o mesmo passeio.

Ao longo do rio, avistamos inúmeras casinhas de madeira sustentadas por palafitas. O guia explicou que pertenciam a famílias locais que e eram usadas somente nas férias e nos finais de semana. O espaço é diminuto e serve como local para armazenar ferramentas de pesca e material para churrasco, dois passatempos comuns por lá durante a primavera/verão.

Até 1993, era a Tchecoslováquia. Com o fim do regime comunista e a conseqüente onda de nacionalismo que varreu a Europa, o país dividiu-se em dois. Surgiram então as independentes República Tcheca e República Eslovaca. Bratislava, cidade de longa história, ganhou status de capital da recém criada Eslováquia. É uma cidade que cada vez mais afirma-se como um dos novos endereços turísticos da Europa oriental, principalmente depois de ter sido admitida na mercado comum europeu.*

Depois de desembarcar no porto da cidade, fomos direto procurar uma das atrações principais, o Castelo de Bratislava, cujos primeiros registros datam do ano 907. Ele é o símbolo e construção mais famosa da cidade e está localizado no alto de um morro, dominando Bratislava e as margens do Danúbio.*

Fonte: http://www.imagensviagens.com/bratislava.htm

Pessoal, tentei mas não descobri o nome desse monumento. Achei que a instalação era interessante e a fotografei, mas infelizmente acho que pouca gente teve a mesma impressão que eu porque não encontrei muitas imagens desse local no Google e as que eu vi não possuíam legenda. Se alguém souber do que se trata, pode deixar um comentário aqui????

Para visitar o Castelo de Bratislava, precisamos subir um longo trajeto passando por charmosas ruazinhas estreitas.


Chegamos à entrada do complexo do castelo e começamos nossa visita depois de analisar o mapa da foto acima.

  
Primeiro exploramos os prédios e jardins anexos à edificação principal.

Uma linda vista da cidade ia se descortinando ao longo da subida íngreme.


Quando chegamos ao topo da esplanada onde ficava o prédio principal do castelo, encontramos um mirante onde pudemos observar a bela parte histórica da cidade, como vocês podem conferir na foto acima.

Nessa outra imagem, pode-se observar a famosa ponte que liga o centro histórico à parte mais moderna de Bratislava. Por ter sido a última a ser construída ganhou o nome de Ponte Nova e tem como atração o mirante em forma de disco voador, construído sobre seus pilares de sustentação. Lá funciona um restaurante/bar e observatório.


Continuamos explorando o complexo do castelo e encontramos essa placa na qual só havia um texto escrito em eslovaco, impossível de compreender. Bom, pelo menos os pictogramas eram fáceis de interpretar!

Quando finalmente chegamos ao castelo propriamente dito, descobrimos que ele estava fechado para visitas até o ano que vem!!!! Foi uma pena, mas pelo menos pudemos observar e fotografar a fachada, que parecia ter acabado de passar por uma reforma completa.


O prédio do parlamento fica próximo à outra entrada do castelo…


… e a um mirante onde é possível contemplar uma linda vista do Rio Danúbio com a Ponte Nova ao fundo.

Em seguida fomos visitar minha parte preferida de qualquer cidade medieval: o centro histórico. Adoro observar as fachadas dos prédios e as simpáticas ruelas cheias de construções centenárias, além de muitos bares e restaurantes convidativos.

Gosto muito de comer ao ar livre enquanto assisto o vai-e-vem de pessoas nas ruas e amei o design das cadeirinhas do restaurante Rio, todas voltadas para a calçada, repararam? Os europeus possuem uma relação muito especial com o sol porque são poucos os meses nos quais se pode circular de camiseta e bermuda por lá. Sendo assim, eles aproveitam os dias quentes ao máximo, permanecendo ao ar livre durante o maior tempo possível.


O Marcelo tirou essa foto por volta das dez horas da manhã quando os restaurantes já estavam todos prontos para receber os turistas de final de semana.

Ruelas recobertas por paralelepípedos e construções antiquíssimas com direito à sacada revestida de tijolinhos: amo muito tudo isso!!!!


Essa é a praça principal do centro histórico onde ficam luxuosos hoteis e restaurantes estrelados. No final de semana, o local se enche de barraquinhas onde artesãos vendem suas criações em cerâmica, pintura, escultura, bijoux etc, além de souvenirs para turistas, como a fofa caneca que comprei e mostrei nesse post.

O telhado da igreja que está atrás de mim na foto é todo feito de telhas pintadas com cores fortes formando um belo desenho. Foi a primeira vez na vida que tive contato com esse tipo de ornamentação.


O Palácio Primacial, a sede da prefeitura, abriu suas portas esse dia para uma série de concertos realizados por estudantes de música e pudemos conferir algumas performances, além de visitar as salas do imponente edifício localizado no centro histórico.

Aqui vocês podem observar mais uma parte fofa do centro histórico…

…e as famosas esculturas em metal que estão espalhadas pela cidade, como esse homem dentro do bueiro…


… e o papparazzo escondido em uma esquina!

Gente, eu não entendi do que se tratava a propaganda, mas achei super divertida a foto das senhoras bailarinas e resolvi me integrar ao grupo!


Como vocês sabem, adoro ilustração e não pude deixar de documentar as imagens acima, pertencentes a uma loja que vendia produtos artesanais, com destaque para peças em patchwork.

Adoro esse tipo de construção cheia de arcos e pátios internos!!!! Quando eu tinha 12 anos e vi uma planta baixa toda coloridinha contendo um projeto de arquitetura elaborado para a reforma da casa dos meus pais, fiquei completamente deslumbrada e decidi que seria arquiteta quando crescesse. O tempo passou e chegando à fase adulta, percebi que design era o que mais se afinava com meus gostos e expectativas, mas continuo admirando e reparando em fachadas, edifícios e detallhes arquitetônicos pelo mundo afora. Trabalhei com muitos profissionais super competentes e talentosas ao longo da vida como a Erica Miszputen, Caro (argentina figuraça, super divertida!!!!), Camila e Vivi. Essas meninas me ensinaram muito sobre o assunto ao longo do tempo em que convivemos e tinham verdadeira paixão pelo trabalho que realizavam. Fica aqui meu testemunho de admiração a elas!!!! Foi a Erica que projetou e acompanhou a construção do buffet da sala lá de casa, onde sempre coloco os belisquetes que sirvo nas festinhas. Adoro essa peça com design exclusivo super elogiada pelos amigos que a conhecem de perto. Obrigada, querida!!!! Você agora mora bem longe, mas tem um lugar cativo na minha memória afetiva!!!! Bom, voltando ao assunto…

Depois do passeio matinal, resolvemos dar uma pausa para a cervejinha com belisquetes e não resistimos a um pub irlandês que encontramos pelo caminho. Aliás, é sempre difícil resistir a um pub irlandês!!!! Vejam que fofa a decoração do local, parece uma cidadezinha!

O THE DUBLINER é super aconchegante e possui uma carta de cervejas bem variada. Reparem na instalação do chopp KELT, que representa uma espada medieval fincada no balcão: muito criativa, né?

Como sou uma consumidora fiel, escolho sempre a Guinness pra começar, mas tenho que declarar mais uma vez minha preferência pela nacional COLORADO DEMOISELLE, de Ribeirão Preto - SP, que é deliciosa!!!!

Eis minha Guinness ao lado da porção de queijo roquefort empanado e cebolas idem com molho tipo sour cream para acompanhar os petiscos.

O Marcelo preferiu experimentar a VELVET, cerveja do tipo Irish Ale, que ele adora. Eu não sou tão fã, mas gosto muito da cremosidade da espuma e da aparência caramelada da bebida.

 
Pelo que consegui entender através de pesquisa na internet, os monumentos acima são uma homenagem à luta contra o fascismo e nazismo.

Adorei essas esculturas que enfeitavam uma simples caixa de correio!!!!

Em seguida, cruzamos a Ponte Nova até o lado mais moderno da cidade onde havia a torre panorâmica no formato de um disco voador. De lá tivemos a oportunidade de contemplar uma bela vista do centro histórico e do castelo…


…além do rio Danúbio com suas águas calmas e escuras…

…e a parte mais moderna da capital da Eslováquia com seus prédios altos e imponentes, além de uma filial da IKEA que não dá pra ver na foto, mas que me deu uma vontade enoooorme de visitar!!!

Essa foto é uma curiosidade sobre novas mídias: percebam que o papel-toalha onde costumamos enxugar as mãos após uma visita ao banheiro continha informações sobre datas e horários de eventos em um centro de exposições na cidade. Foi só isso que consegui entender, mas achei a ideia bem criativa e original!


De volta ao centro histórico, passamos por algo que se assemelhava a um sítio arqueológico aberto a visitantes, mas não conseguimos perceber do que se tratava exatamente e a longa fila era desestimulante.

Na foto acima, vocês podem ver o belo edifício do Teatro Nacional Eslovaco na praça Hviezdoslav.

Mais uma estátua interessante em uma rua animada no centro histórico, em frente a um restaurante espanhol.


Na hora em que bateu a fome, percebemos que precisávamos procurar um lugar para nossa “almojanta”, termo que peguei emprestado da nossa companheira de viagem ao Egito, Leila Ikuno, um doce de pessoa e uma turista intrépida, que já passou dois meses sozinha explorando toda a Nova Zelândia. Ela tem uma personalidade sensacional, que menina simpática, simples e descolada!!!! Espero um dia seguir seus passos, Leila!!!! Ou pelo menos te encontrar novamente em algum destino de férias bem exótico!!!!

Penso que toda cidade medieval que se preze tem que ter algumas réplicas de armaduras espalhadas pelo caminho e toda fanática por história e costumes medievais que se preze precisa pagar o mico de tirar fotos com as armaduras que encontrar!!!!

Recebemos a indicação do restaurante PRASNA BASTA em guias de viagem e fomos lá conferir se a dica era realmente boa!!!!


O restaurante funciona em um agradável pátio interno e aproveitamos o solzinho do final da tarde para relaxar e pedir duas taças de vinho a fim de acompanhar os pratos principais.

Eu estava com muita fome e não quis arrsiscar nada muito exótico, então pedi um filé de frango grelhado ao molho de queijo roquefort, batatas fritas e salada. O prato estava delicioso e o queijo tinha um sabor forte e proeminente, bem do jeito que eu gosto!!!!

Já o Marcelo arriscou pedir um prato típico e se deu muito bem. Apesar da aparência meio “gororobenta”, essa espécie de nhoque ao roquefort com bacon estava sensacional!!!! E eu nem gosto muito de nhoque, hein? Mas a massinha leve com o molho de queijo é imperdível. Se vocês tiverem a oportunidade de experimentar esse prato, eu recomendo muito que o façam!!!!

Enfim chegou a hora de voltarmos pra Viena, na Áustria, e embarcamos em um catamarã lotado. Estávamos tão cansados e sonolentos que dormimos durante metade do trajeto e eu nem tive a oportunidade de fotografar as famílias que faziam churrasco em suas casinhas de madeira que mostrei no início desse post. Os simpáticos austríacos acenavam para o barco e pareciam bastante simpáticos, felizes e sorridentes!!!!


Vocês podem ver acima as duas últimas fotos que tirei na Eslováquia. Eu já estava dentro do barco e gostei da perspectiva da ponte com o castelo do lado esquerdo, além do prédio com pilares tortinhos pintados de vermelho. Como mencionei anteriormente, gosto muito de arquitetura e sempre reparo nesses detalhes inusitados.

Pessoal, eu adoro relatar minhas experiências em território estrangeiro, mas Infelizmente, esses posts de viagem são os que me tomam mais tempo. Preciso selecionar algumas imagens entre as centenas de fotos que tiro e depois tenho que fazer uma extensa pesquisa pra lembrar os nomes dos lugares onde estive e das atrações turísticas como igrejas, praças, parques, monumentos etc. Passei por várias experiências incríveis que gostaria de compartilhar com vocês e deixar aqui dicas para os próximos viajantes. Vou tentar fazer isso aos poucos, mas estou bem atrasada!!!! Ah, e se eu tiver escrito alguma besteira ou passado uma informação equivocada, podem me corrigir sem constrangimento, tá? Nem sempre a Wikipedia é confiável, rsrsrsrsrs!!!!

Quero desejar uma ótima semana pra todos e pedir para que compreendam que está ficando cada vez mais difícil retribuir as visitas e comentários que vocês gentilmente deixam aqui no blog. Por isso, sugiro que se quiserem se comunicar comigo enviando sugestões, palpites e questionamentos, enviem uma mensagem para o katiabonfadini@gmail.com, que eu responderei assim que for possível. E se eu não responder em uma semana, podem insistir porque provavelmente o e-mail ficou pra trás e eu acabei me distraindo!!!!

Um grande beijo!!!!

Bonfa ass

34 comentários:

Sabores e Sensações disse... [Responder comentário]

Que passeio delicioso!
Adorei a camisa do flamengo do marido...rsrsrrs.
Beijos,
Re

Karla G. F. disse... [Responder comentário]

Katia as fotos estao lindas, lindas!! Quando fui pra Budapeste e Viena queria muito ter passado por Bratislava, mas o tempo foi curto e nem deu =(
Viajar é realmente incrível, nao?!
As casinhas que vc mencionou é mais ou menos como essas que comentei no post passado, né? Bem bacana!
Me deu uma saudade da primavera/verao agora!
Beijo e boa semana!

Pranananda disse... [Responder comentário]

Incrível! Amei a viagem e como você nos conta, me coloco como em uma roda de crianças escutando uma história, prende a atenção!
Adorei!!!

Bjão

Angela disse... [Responder comentário]

Katia,
Sei que os post de viagem te dão muito trabalho, mas são tão maravilhosos... Eu AMO! Espero um dia conhecer todos esses lugares que aparecem por aqui.
Já estou à espera do próximo post! rsrsrsrsrs
Beijos

Marina Mott disse... [Responder comentário]

Fotos maravilhosas!! Adorei! Bjs!

Patricia Merella disse... [Responder comentário]

Ola katia
Que delicia de post.
Amo viajar com vc..
Obrigada por dividi conosco
imagens tão lindas.
Querida,obrigada pela visita
lá na maison.
Adoro quando vc vem a minnha maiosn.
Tua beleza,tua energia e tua alegria enche minha maison
de vida.
linda semana,bjkas no coração!
Patricia Merella
http://wwwmaisonduchocolat.blogspot.com/

Fê Costta disse... [Responder comentário]

Kátia querida, não sei se choro ou sorrio de ver este seu post! Acabei de chegar de Bratislava e não ví um décimo do que lí aqui no seu interessante post! Vejo bem que a minha passada de 2 horas na cidade ao entardecer não foram suficientes para desbravá-la como deveria... Bratislava foi apenas um pit stop entre a viagem que fazia de Budapeste para Viena... Enfim, mais um motivo para voltar ao magnífico Leste Europeu!

Lindas e alegres fotos, como sempre!!

Bjo grande!

Simonepin disse... [Responder comentário]

Ai Katia assim você me mata, adoooro viajar, e se não dá pra viajar no real (que feriado booom) que seja na net! Hehehe

É um lugar extremamente maravilhoso... #ficadica pra gente!

Xeru

Claudia Liechavicius disse... [Responder comentário]

Minha amiga, que relato surpreendente para quem passou só um dia! Você aproveitou tudo que tinha direito e mais um pouquinho. Ficou maravilhoso seu post.
E esse bronze todo do seu rosto? Foi do Danúbio Azul??? Você está com uma carinha feliz e super saudável nas fotos.
Bjs
Claudia

Simone Scharamm disse... [Responder comentário]

Oi, amiga,
Tudo bem? Estava com saudades!!!
Ah, como eu gosto de viajar nos seus post detalhadíssimos! Obrigada por compartilhar tantas fotos lindas e as curiosidades divertidas e interessantes!
As fotos dos pratos e cervejinhas dão sempre aquela água na boca,rs...mas faz parte,rsrs!
E as suas férias? Estão chegando, né? Eu voltei do meu cruzeiro, feliz e renovada! Foi bom demais!
Vi no blog da Flávia Mergulhão o encontro de vocês. Vamos marcar aqui em Niterói, assim que vocês duas voltarem, ok?
Beijos e ótima semana!

Cucchiaio pieno disse... [Responder comentário]

Oi querida
Que linda viagem!
Nao conheço Bratislava, tenho vontade de conhecer, mas penso que sera' somente em um futuro beeeeem distante, pois meu marido ja' conhece e as cidades que ele conhece é resistente em me levar, pois quer conhecer lugares novos. Ao mesmo tempo o entendo e o acho egoísta - hehehe!
Graças a Deus que o mundo todo é gigantesco e lindo!
As tuas fotos ficaram show - lindas e criativas.
Bjim com karim
Léia

BilaCaldas disse... [Responder comentário]

Kátia,
Seu blog é mesmo uma delícia quando vejo estes posts me dá e acredito que em todos, uma enorme vontade de viajar. Parabéns pelo post e pelas informações. Sempre úteis. Bjo

Marta disse... [Responder comentário]

Que cidade linda! Adorei as fotos... e o catamarã? Uma graça! Super lindo e organizado! Nem parece um catamarão!
As ruas são aconchegantes, tudo limpo... lindo mesmo!
Beijocas

Georgia disse... [Responder comentário]

Katia, tudo bem?

Aindanao fomosneste lindo país.As criancas ainda sao pequenas e pensamos que um passeio assim poderia ser enfadonho. Mas agora elas já estao maiores e vamos tornar a pensar no assunto. Achei a cidade lindíssima.

Boa semana


Bjao

padronagens disse... [Responder comentário]

Bonfinha, este post (excelente!) deve ter dado uma trabalheira medonha pra escrever: quantas informações e fotos!... Adorei principalmente as ilustrações da loja de produtos artesanais: lindas!

Beijo.
Wagner.

Maria Célia disse... [Responder comentário]

OI Kátia
Simplesmente fantástica sua postagem de hoje. Que viagem maravilhosa.As fotos são deslumbrantes, a sua máquina é excelente, deve ser profissional.
Você escreve super bem, dá todos os detalhes, as informações, as curiosidades, dicas.
Parabéns!!!
Bjos e boa noite.

Ivana disse... [Responder comentário]

Ai Kátia, tão lindos estes teus posts! São feitos com tanto cuidado, com tanto carinho pra gente que te lê!
Pra mim, particularmente, são verdadeiras jóias, porque estão cheios de dicas e me fazem querer cada vez mais que nossa viagem do ano que vem chegue logo!
Um beijo!

Beatriz disse... [Responder comentário]

Oi Katia!
Bratslava, taí um nome que não posso me esquecer quando for à Europa (vou substituir por outra menos interessante da minha listinha, he he). Você, como sempre, está super bem nas fotos! Me apaixonei por aquelas coloridas portas(?) pintadas da loja de Patchwork...quanta alegria ali!!!
Te convido também a mergulhar um pouquinho lá no "viagemambiental"
Beijocas!
Bia
www.biaviagemambiental.blogspot.com

A moça do caixa disse... [Responder comentário]

Oi Kátia, sempre passo por aqui, e hj resolvi deixar um comentário! Adoro seu blog, principalmente dos relatos das festas e das viagens! Vou aproveitar algumas idéias suas pra fazer de entrada na ceia de Natal (tomatinhos recheados, pasta de brocolis...)! Bjs, da sua fã!

Thalita Godoy disse... [Responder comentário]

cada vez que visitamos seu blog nos surpreendemos com coisas e viagens magníficas.
obrigado por nos fazer sonhar junto nesses tour pelo mundo.
um dia eu e a thalita esperamos viajar nem que seja para alguns poucos locais hehe
abs katia

Babi Mello disse... [Responder comentário]

Bonfa, mais um lugar lindo e compartilhar conosco suas experiências é muito legal e fico feliz em ver tanta coisa linda pelo mundo mesmo que seja por fotografias.
E sabe vou te dar uma dica para o próximo concurso da Bonfa, o que vc acha, os leitores do blog precisam acertar a quantidade de lugares que você conhece, e isso se aplica a países, cidades (capital/interior) iria ser bem legal.
bjocas!

Raissa Kahn disse... [Responder comentário]

Nossa, lindas as fotos!
Diga-se de passagem que eu nem imaginava como era a Bratislava...rs

Não vejo a hora de chegar o final de ano para eu viajar tb...adoro!!!

Beijinhos e bom restinho de feriado!

Eu Mulher disse... [Responder comentário]

Woww! Quanta foto linda!! Eu e meu esposo também amamos viajar. Esses lugares são belíssimos!!

Bjs

Karine disse... [Responder comentário]

Oi Kátia!
Adoro ler sobre suas viagens.. acabo pegando carona e conhecendo lugares maravilhosos.. Vc relata com tanto carinho que é maravilhoso e já fico na expectativa da próxima :)
E as fotos.. que lindas :)
Não cansou de olhar!

bjos

josi disse... [Responder comentário]

Oi, Katia,
Quem disse q eu não viajei neste feriado?! E ainda tive vc como cicerone...e como em tudo q vc faz, foi perfeito o post, sei que da trabalho, mas deixa a gente a suspirar, menina! Sinto tanta saudade da Europa, e aproveito p lhe dar uma dica: se estiver passando por Bruxelas (o pais das cervejas maravilhosas, olha so q inspiração)não deixe de conhecer Brugges, um lugar simplesmente encantador, bem do jeito q vc gosta.
Bom, ate a proxima viagem...p onde sera q vc vai, heim?
bjs
Josaine Corsso
jostop33@hotmail.com

Ateliete® disse... [Responder comentário]

Que delicia descobrir a Eslováquia com vc!!! Uauuuuu!!!
Bonfa, fiquei com vontade de visitar este país que nunca havia entrado na minha lista de viagens.
Gostei dos pratos escolhido por vcs e as fotos, mais uma vez, sensacionais!!!

Beijão.
Eliete

Geraldine disse... [Responder comentário]

Seu marido é como o meu, sempre arrisca em algo diferente e normalmente acerta!! Já eu, tb preferiria o franguinho, rsrsrs. Beijos!

Thais disse... [Responder comentário]

Bonfa! Bonfa! Bonfa!!!
Adoro todos os seus relatos de viagens!!! Vc consegue como ninguém conhecer todos os pontos mais especiais de cada lugar!
Agora me fala uma coisa, vc passou pela loja IKEA e não entrou????!!!!!
Eu sou uma verdadeira maníaca por essa loja!!!! Já passei 12 hrs lá dentro!!! Até vi em um de seus posts que vc tem uma luminária de lá! A verdade, é que ao entrar nessa loja, todo o programa local fica para trás!
Olha, sou também sua fã e leitora diária do seu blog!
Um beijo com carinho!!! Thais

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

Oi, thais! Pois é, menina, eu também adoro a IKEA! É uma verdadeira loja BBB!!!!! Mas eu estava com o Marcelo e aí já viu, né? Ele não se interessa por lojas de decoração e eu adooooro! Tenho sempre que negociar um tempinho livre só pra entrar nas lojas que gosto! Muitas vezes saio de mãos vazias, mas tenho o maior prazer de ver as novidades!!!! Só conheci pessoalmente a IKEA de Washington até agora, mas passei em frente à uma loja na Suécia e outra no Porto, em Portugal. Bem que a gente merecia uma filial no Brasil, né? Bjs!

Marina disse... [Responder comentário]

Achei engraçado o Marcelo com a camisa do Flamengo nas fotos. Meu pai, quando viaja pra Europa, sempre leva a camisa do Náutico, para sair nas fotos. Eu fico rindo quando vejo.

Linda viagem, Kátia. Dá vontade de juntar dinheiro pra ir a todos esses lugares.

Lívia Carolina Fabi disse... [Responder comentário]

Que delícia de post!
Que lugar encantador!!!

Eu tenho super vontade de ir para este outro lado da Europa!!!

Adoro história, e estes novos países tem muita coisa prá contar!

Adorei tudo!
Obrigada por dividir essa experiência conosco!

Bjos

Ps. Tem selinhos prá vc lá no blog!

Bjos

Feito a Mão disse... [Responder comentário]

Katinha, definimos nosso roteiro da próxima viagem e tb vamos fazer um bate-volta pra Bratislava a partir de Viena. Suas dicas são muito bem-vindas! Adorei a possibilidade de deslocamento por catamarã.
Vou procurar mais posts sobre o leste europeu. Abrimos mão da Polônia para incluir Salzburgo e Munique.
O roteiro será: Munique, Saltzburgo, Viena, Bratislava, Budapeste e Praga, com bate-voltas pra Cezky Krumlov, Karlov Vary e Pilsen
bjk

Maria Teresa Fortkamp disse... [Responder comentário]

Olá, adorei sua postagem!!!
Estou indo a Viena em agosto/15 e queria muito fazer um passei pelo Danúbio, tipo os bateaux em Paris, mas não achei interessante, então me deparo com teu post para Bratislava, e isto significa unir o útil ao agradável, passeio pelo Danúbio e conheço esta cidadezinha que me pareceu tão simpática.
O que me leva a entrar em contato com teu blog é saber do lado prático da coisa, se puderes me ajudar, tipo: preço, onde pegar o barco, onde comprar tiket, a volta, estas coisas.
Ah e pretendo ir no domingo, vale apena ou tudo fecha?
Agradeço imensamente se puderes me ajudar e fico no aguardo!!!

Katia Bonfadini disse... [Responder comentário]

@Maria Teresa FortkampMuito obrigada! Fico feliz que tenha gostado do post! Eu adorei passar o dia na Bratislava! Sobre a logística, não sei se vou poder te ajudar porque é meu marido que faz a programação e essa viagem já tem um tempinho. Ele fez esse post no site MOCHIELIROS que talvez seja útil: http://www.mochileiros.com/munique-berlim-praga-viena-e-outras-abril-2010-t43919.html

Um beijão e faça uma viagem maravilhosa!

Related Posts with Thumbnails